Síndrome do Pânico é um transtorno psicológico que se caracteriza pelas inesperadas crises de pânico e por uma expectativa ansiosa de novas crises.

As crises de pânico – ou ataques de pânico – consistem em períodos de intensa ansiedade, geralmente com início súbito e acompanhados por uma sensação de catástrofe iminente. A freqüência das crises varia de pessoa para pessoa e geralmente dura alguns minutos.

Geralmente as crises de pânico se iniciam com o disparo de uma reação inicial de ansiedade, que logo ativa um medo em relação às sensações que começam a ocorrer no corpo. Durante a crise surge na mente da pessoa uma série de interpretações negativas sobre o que está ocorrendo, sendo muito comuns quatro tipos de pensamentos catastróficos: de que a pessoa está perdendo o controle, que vai desmaiar e que está enlouquecendo ou que vai morrer.

“ O Terapeuta Morfoanalista consegue ajudar o paciente se liberar de um EU psicossomático confuso, amedrontado e passar progressivamente a funcionar com uma personalidade integrada, na qual o corpo, as sensações, os sentimentos, os pensamentos, as emoções são diferenciadas, mas estão em permanente comunicação e interação.

A originalidade da proposta terapêutica oferecida pelo Terapeuta Morfoanalista é restituir a sensorialidade, seu valor estruturante e fortalecedor, e acima de tudo devolver ao toque, o papel essencial de organizador do EU e da capacidade de pensar.”

Serge Peyrot –  Diretor da Formação e Criador da Terapia Morfoanalítica

Você ficou interessado em conhecer melhor a Terapia Morfoanalítica?

Estão abertas as inscrições para a nova turma que terá início no dia 8 de julho de 2018 em Ribeirão Preto – SP.

Para mais informações e inscrição, acesse: www.terapiamorfoanalitica.com.br